Notícias

ima_1

Cientistas descobrem substância

Cientistas descobrem substância que deixa humanos invisíveis pros mosquitos

Fonte: hypeness

Quando Harry Potter queria passar despercebido, usava seu famoso “manto da invisibilidade”. E o que parecia pura magia, pode afinal estar mais próximo do mundo real do que imaginávamos –pesquisadores americanos descobriram uma espécie de “capa” que os humanos podem usar pra não serem notados por mosquitos.
Por menores que sejam, sabemos como os mosquitos podem se tornar um grande incômodo. Mas mais do que isso, eles são transmissores de doenças potencialmente fatais, como a malária, a dengue ou a febre amarela. Por isso, pode ser tão importante a descoberta de uma substância na pele humana com capacidade não pra afastar (pra isso servem os repelentes) mas, mais eficaz ainda, pra não deixar os insetos sentirem o cheiro das pessoas.

As fêmeas de mosquitos, as que mais atacam, não se alimentam de sangue, mas precisam dele pra uma proteína que lhes permite produzir ovos férteis. Elas conseguem sentir o odor humano a uma distância de até 30 metros.
Pesquisadores americanos, que apresentaram resultados no Encontro Nacional Sociedade de Americana de Química, realizado nos Estados Unidos, fizeram experimentos com uma gaiola, lançando diversas substâncias químicas da pele humana pra ver quais atraíam o maior número de insetos. O ácido lático, comum no suor, atraiu cerca de 90%, enquanto outras substâncias não geraram qualquer reação da parte dos mosquitos – a isso se dá o nome de anosmia, a incapacidade de sentir odores.

A juntar às descobertas, os pesquisadores verificaram que o composto 1-methylpiperazinebloqueia o olfato de mosquitos, o que explicaria por que umas pessoas são mais picadas que outras. A partir daqui, podem ser dados grandes passos na produção de repelentes, cosméticos, loções ou mesmo roupa que inclua essas substâncias e facilite a nossa vida.